Ações Cotidianas

 
     Infelizmente não existe uma única e mágica solução para reverter o desequilíbrio que vem causando o aquecimento global. Precisamos colocar em prática, isto sim, uma gama de ações, tanto individuais quanto coletivas.
 
     Primeiramente, necessitamos mudar o nosso comportamento consumista. Isso não quer dizer parar de consumir, porém, precisamos consumir com consciência, comprando os itens que nos são realmente necessários.
 
     À primeira vista fica complicado entender como que o simples fato de comprarmos um novo aparelho celular ou um móvel, por exemplo, contribui para o aquecimento do planeta ou porque é importante aprendermos a racionalizar o uso da energia elétrica e da água. Afinal, são pequenos atos tão cotidianos e familiares, sobre os quais nem paramos para pensar a respeito - seria como pararmos para pensar sobre como fazemos para respirar: não pensamos a respeito, apenas fazemos. Pois é, está na hora de pensarmos nas conseqüências até então insuspeitas dos nossos atos mais comuns e diários.
 
     Então pense no seguinte: para as indústrias poderem produzir precisam de matéria-prima e energia, e, como resultado direto das suas atividades, causam poluição direta ou indiretamente. Muitas matérias-primas para serem extraídas causam destruição do meio ambiente e poluição, inclusive de rios. A energia para ser produzida também produz impactos ambientais variados (incluindo a liberação de GEE). Os produtos também precisam ser transportados para chegarem às lojas e nas nossas casas (o que gera mais GEE).
oooooooooooooo
oooooooooooooo

Demanda por matéria prima e energia 

Fotos gentilmente cedidas por: Stock Xchng, FreeFoto e Radiobrás.

 
ooooooo
     Precisamos, portanto, evitar o excesso de consumo. A mídia vive tentando nos convencer de que precisamos de um monte de coisas das quais, na verdade, não necessitamos nem um pouco. Logo, toda vez que você sentir um impulso para comprar algo sem ter planejado antes ou que você sabe que já possui um e que este ainda está funcionando perfeitamente, segure o impulso – não compre sem um motivo real.
 
     Ao reduzirmos nosso consumo, também reduzimos outro grave problema para a humanidade e para o planeta: o excesso de lixo. Além de diminuir a quantidade de lixo precisamos aprender a separá-lo para a reciclagem. É fácil, apenas uma questão de nos habituarmos.
oooooooooooooooooooo
oooooooooooooooooooo
O que fazer com tanto lixo?
 
ooooooooooooooooo
 Com o intuito de facilitar a tarefa para todos nós, abaixo se encontra uma lista com pequenos atos cotidianos que podem ajudar a salvar nosso planeta:
 
1. Economize água e energia
 
  • Economize no banheiro reduzindo o tempo do banho e escovando os dentes com a torneira fechada.

  • Elimine os vazamentos.

  • Não deixe uma torneira pingando.

  • Use a vassoura para varrer a calçada (não a mangueira).

  • Use uma bacia para lavar a louça (use água corrente apenas para enxaguar).

  • Abra a porta da geladeira apenas o tempo necessário.

  • Economize energia ao lavar e passar a roupa.

  • Ilumine sua casa sem desperdício.

  • Use o ar-condicionado com moderação.

  • Evite usar aparelhos elétricos ou eletrônicos no horário de pico.

  • Prefira equipamentos com selo Procel (Programa de Conservação de Energia Elétrica).

  • Dê preferências aos carros 1.0.

 
2. Evite o desperdício
 
  • Escolha consumir apenas o necessário.
  • Resista aos modismos que nos compelem a trocar de carro, roupa, celular e tantos outros bens de maneira contínua e desnecessária. Além de gastar dinheiro, desperdiçamos os recursos naturais e ainda poluímos o planeta.
  • Diga não a produtos supérfluos ou feitos para durar pouco.
  • Escolha usar sacolas de pano e caixas ou carrinhos de feira para suas compras - evite as sacolas de plástico.
  • Escolha alimentos e produtos naturais e evite os industrializados.
  • Evite comprar produtos de materiais descartáveis, que, embora práticos, geram lixo desnecessário. Prefira produtos duráveis e resistentes ou que permitam o aumento da vida útil por meio de recargas e refis, como, por exemplo, cartuchos de impressão, pilhas e baterias recarregáveis. Reutilizar é muito importante.
  • Só compre móveis e objetos feitos com madeira certificada pela FSC (Forest Stewardship Council ou Conselho de Manejo Florestal) para ter certeza de não estar comprando madeira ilegal de desmatamento
 
3. Não polua
 
  • Jogue lixo apenas nos locais apropriados (Nunca na rua).
  • Use o menos possível o automóvel, programando suas saídas. Ele provoca poluição do ar, gasta combustível, agrava o efeito estufa e engarrafa o trânsito.
  • Use apenas produtos biodegradáveis.
 
RECICLE:
 
Mantenha duas vasilhas em sua cozinha:
 
  • uma para o MATERIAL SECO (inorgânico: papel, plástico, metal, vidro) 
  • outra para MATERIAL ‘MOLHADO’ (orgânico: restos de comida, cascas de frutas e legumes, etc.).
 
Acumule o material seco numa vasilha maior e regularmente encaminhe à reciclagem. Se não houver coleta de lixo seletivo em sua cidade encaminhe um abaixo-assinado às autoridades. Enquanto isso procure doar seu material para quem faz reciclagem.
 
Evite mercadorias com muitas embalagens. Embalagens do tipo “caixinha-dentro-de-um-saquinho-dentro-da-sacola-dentro-do-sacolão” geram uma quantidade enorme de lixo.

..............................................................................................................................

 
     UM MUNDO MELHOR COMEÇA NA NOSSA CASA

  

  Início  |  Vídeos sobre Aquecimento Global  |  Vídeos sobre o Carro Movido a Ar Comprimido
Fale conosco  |  Links e Fontes de Referência  |  Notícias  |  Mural de Recados

© 2007 RJHost.com.br
MELHOR VISUALIZADO EM PELO MENOS 1024 x 768 PIXELS

Acessibilidade

Teclado: Menu Principal » alt+m | Conteúdo » alt+c Controles de Acessibilidade: Preto e Branco | A (Normal) | -A (Dininuir) | +A (Aumentar)